Ineficiências

(Publicado no jornal Metro, 14/4/2011)

Parece que a Europa está desencantada com a nossa ineficiência para lidar com a ajuda que nos atribuiu. A ministra das Finanças francesa exige um interlocutor claro porque “não costuma assinar um cheque antes de ver a conta”. Já o comissário europeu dos assuntos económicos prefere “não ter um diálogo na praça pública todos os dias com os líderes de Portugal, mesmo que estes o possam apreciar muito”. Por estes dias, dá a impressão de que na Europa se esquecem com facilidade os procedimentos democráticos, em particular a sua lentidão, sujeitos que estão a longas negociações entre diversas partes. Talvez alguém devesse explicar isto por lá, ainda por cima porque tudo indica que algumas das medidas em troca da “ajuda” terão de ser aprovadas no parlamento, havendo mesmo a suspeita de que algumas colidem com a Constituição (o despedimento de funcionários públicos, por exemplo). Se isto for verdade, o pacote definitivo não pode ser aceite antes das eleições.

Toda esta pressa é estranha, mas entende-se. A ministra das Finanças espanhola já explicou que Portugal “será o último país a receber ajuda” e que algo de equivalente para Espanha “está completamente fora de questão”. E o ministro das Finanças belga diz que ficou “bastante contente” por se poder, “a partir de agora, distinguir” os três países frágeis dos restantes. Lembre-se que a Espanha é o país que mais assusta na Europa, porque não há meios de salvar a sua horrível situação financeira; e que a Bélgica é aquele país que não tem governo vai para um ano e que também já deu uns ameaços. Se a Bélgica tivesse de ser ajudada, com quem falava a Europa?

Portugal foi assim posto no papel sacrificial de último dos PIGS. Mas não se desconte um problema sério em Espanha, graças à loucura indeterminada das caixas de poupança regionais. E indo a Espanha vai a Bélgica e a França mais a tosca engenharia do euro. Talvez seja esta a verdadeira ineficiência que se quer esconder com a suposta ineficiência portuguesa.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: