Campanha

(Publicado no jornal Metro, /1/2010)

Para quem ainda não se apercebeu, a campanha presidencial já está em curso. Neste momento, só com um candidato verdadeiramente activo, o incumbente Cavaco Silva, que se tem multiplicado em aparições (para além das oficiais) e pequenas notas com destinatário evidente: o primeiro-ministro. Depois do desastre das “escutas”, está a recuperar o seu “espaço”, aproveitando a maioria parlamentar relativa. E assim vai construindo a prática inevitabilidade da reeleição, frustrando os planos do primeiro-ministro. De facto, a penúltima coisa de que este gostaria era de ter de lidar de novo com o Presidente Cavaco, ainda por cima com maioria relativa. O vagamente incompreensível frenesim de provocações ao Presidente só pode explicar-se por isso: aproveitar a sua suposta “fragilização” para criar a ideia de que ele estaria a perturbar a relação entre instituições. Para o que só haveria uma solução: um candidato próprio. Chegaram mesmo a ouvir-se rumores de nomes: Jaime Gama, Sampaio… Só que a espiral de provocações tem-se virado contra o próprio primeiro-ministro.

Onde entra a última coisa de que o primeiro-ministro gostaria: de ter de lidar com um Presidente Alegre. Ora, é esse mesmo o outro real candidato a perfilar-se no horizonte. Um Presidente Alegre tornaria Sócrates refém da maioria parlamentar de esquerda (ou pelo menos da quase-maioria com o BE), o caminho certo para a sua irrelevância ou para o fim da sua credibilidade governativa. Onde chegamos a uma situação interessante. Entre a penúltima e a última coisa de que menos gostaria, talvez o primeiro-ministro devesse preferir a primeira, o que reeditaria as circunstâncias das últimas presidenciais: apoio oficial a um candidato de esquerda e multiplicação de sinais mostrando que se preferiria o de direita. Sócrates bem esperneia, mas, na ausência de uma invenção catastrófica, ainda vai ter de acalmar o seu tom com o Presidente. São ironias cruéis para quem esteve a um passo de destruir a vida e a obra de Cavaco Silva.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: