O fim da influência?

Um artigo interessante, embora cheio de erros, em particular o lugar-comum de que temos vivido num mundo “neoliberal” (sim, outra vez…). Na verdade, temos vivido no mundo do Estado-Providência (que certamente inclui a propriedade privada e será mais liberal do que o socialismo hard-core, mas que tem tanto de liberal como de socialista). Vale pelo artigo, mas vale também logo pelo primeiro comentário que lhe é feito:

Well, there was a time back in the 80’s, when you couldn’t pick up a newspaper or magazine without seeing an article about how Japan was the new international economic heavyweight and how, before long, Japan was going to own just about everything. How did that turn out? No offense but, regardless of how good the future looks for China right now, do not underestimate the ability of people to screw things up.

Eu também me lembro. E também me lembro do tempo em que a URSS não só estava para durar como havia dúvidas sobre se não seria mais próspera do que os EUA (e dúvidas mesmo sobre se não seria uma democracia). Salvo erro, era aí por volta de 1988.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: